Analytics:

quarta-feira, fevereiro 18, 2009

Perdeu Playboy!

O Nevílton, cantor esperto lá do Paraná, tem um show bem divertido e pelo menos um hit em potencial (“A Máscara” - single tão distorcido quanto suingado, e que sabiamente administra doses doces de uma suspeita cafonice retrô).

Dia desses ele botou mais uma música pra boiar na web, e dessa vez a canção à deriva atende por “Nas Esquinas de Umuarama”, e “inventa” uma espécie de ruralidade pop (violas e guitarras), num legítimo rock-do-interior, alegremente melancólico e empolgado em cantar a boa-vida na cidade natal. Pra ouvir e saber se é verdade o que eu estou dizendo, basta clicar aqui, e fazer uma visita simpática à página do rapaz. “Boleroteque” também vale uma conferida.




Ainda na série “jovens talentos do independente nacional”, quem também tem novidade é o produtor e dj curitibano Péricles Martins, mais conhecido nas pistas e clubs (e, obviamente, na internet) como Boss in Drama (sem os cifrões do outrora Bo$$: “por causa de busca na internet, essas coisas. Pra facilitar!”).

Your Favorite EP foi lançado na página do dj no Myspace e é quase todo novidade, a não ser pelo hit instantâneo “All The Love”, que percorre downloads e festinhas aos milhares desde o começo do ano passado (e inclusive ficou em primeiro lugar nas listas de Melhores Músicas de 2008 deste Goiânia Rock News).
.
Contando o single pré-lançado, são 4 músicas para as pistas de dança, ainda que, penso eu, funcionem em horários diferentes da noite: “Favorite Song”, é dançante mas também vai funcionar pro pessoal que sempre fica bêbado no sofá e que, a certa altura, com certeza vai gritar pra quem quiser ouvir que essa música é uma filha bastarda do Justice com o Daft Punk, e que não dá conta de esconder uma certa pretensão Jamiroquai dissimulada por entre a batida adoravelmente ritmada e os discretos arranjos de “cordas”.

“All The Love” é o Arrasa-Quarteirão do pacote. Guarde esta para quando a sala do seu apartamento estiver completamente lotada de amigos muito bêbados, todos já suados (tanto por quê você soube, até aqui, manipular seus discos e estimular o ímpeto bailarino de cada um deles, quanto por que se você tivesse um ar-condicionado na sala, provavelmente ele estaria estragado). Uma receita infalível é dobrar “All The Love” com “I Don’t Feel Like Dancin’”, do Scissor Siters e "Hump De Bump" do Red Hot Chili Peppers. É tiro e queda, vai por mim!

"Superstar" suaviza, de leve, as BPMs recordando os momentos mais psicodélicos do Prince, e vai cair bem quando o pessoal começar a dar pistas de que o gás está acabando, e você começar a não achar uma má-idéia esse povo todo dar o fora da sua casa, afinal você até já vomitou (apesar da cerveja na sua outra mão estar quase cheia e gelada).


Quando você conseguir expulsar o último casal de amigos embriagados elevador adentro, voltar para casa e constatar que aquela amiga tatuata da namorada daquele baterista primo do seu vizinho já foi embora há muito mais tempo do que você gostaria, você pode deitar no tapete, abrir a última cerveja, dar um play para “Lights Off” e pensar que deveria se arrastar até a cama, antes que apagasse e se odiasse na manhã seguinte, por causa das dores nas costas.
.
.
.
.
.
.
.
Perdeu Play... mobil! – Não sei como anda a popularidade do Playmobil com a molecada de hoje, mas na minha época (me sinto engraçado digitando isso de “na minha época”, mas acho que como um senhor de quase 30 anos, posso relaxar), todos os meus amiguinhos mantinham pelo menos uma meia-dúzia de modelos diferentes dentro de uma caixa de sapatos, ao lado dos Comandos-Em-Ação. Eu nunca tive nenhum dos Playmobils (que poderiam ilustrar várias situações e, hãn, profissões?), já estava mais interessado nos meus discos do Balão Mágico (e até num "ousado" Bad, do Michael Jackson), nos livrinhos da coleção Vaga-Lume que chegavam mensalmente pelo correio e em passeios pelas vizinhanças da filha da minha vizinha. Mas sim, o Playmobil foi figura presente e constante na minha infância.
.
Digo isso por que semana passada uma amiga minha apareceu com um ar meio consternado e me disse, como se fosse uma informação auto-explicativa, que havia ficado triste com a notícia da morte do designer e miniaturista alemão Hans Beck. Por um momento quase a deixei conversando sozinha, mas resolvi perguntar: “Hans Beck foi o criador do Palymobil!”, disse ela como quem anuncia a morte de um avô.

Não entendi como ela pôde ficar tão sentida com o falecimento do figura (aliás, acho que era tipo mesmo – desculpa Inara!). Mas achei que a notícia cabia aqui. Cabe?
.
.
.
.
.
.
.
Dia 21 próximo, sabadão de carnaval, acontece a edição Goiânia do Grito Rock, que esse ano interliga quase 50 cidades (entre Brasil Argentina e Uruguai), numa gigante conexão rock-carnavalesca que acontece pela terceira vez em 2009.
.
.
Em Goiânia, a festa-de-Momo vai acontecer lá nos dois palcos do Martim Cererê, com uma dúzia de bandas (Mugo, Nuda-PE, o Garfo-CE, etc.), mais a charlatã portenha Madame Mim (que só tem alguma graça, na Mtv, perto de sua colega vj, Dani Calabresa. E não por mérito próprio, mas por uma incrível insipidez da outra).
.
.
A farra vai te custar apenas 20 dinheiros, mas você pode tentar economizar essa fortuna para a cerveja, tentando a sorte aí embaixo. Goiânia Rock News sorteia dois ingressos para a festa, e para concorrer é só me dizer, ali na caixa de comentários, qual banda/artista você mais ouviu nessa última semana. Além disso, é óbvio, deixa anotado lá também o seu nome e um e-mail válido, pra eu te avisar como receber seu prêmio.
.
.
.
.
.
.
.
Até a próxima.

12 comentários:

Mari L.ee Jones disse...

Mariana Leutwiler | mari.leutwiler@gmail.com | Banda que mais ouviu essa última semana: cine capri

Alface disse...

Thiago nunes
thock_@hotmail.com
oque mais escutei foi o novo album do Dead Fish contra todos que ta perfeito =D

cinthia disse...

Ue apagaram meu post mais vai la a banda que to escutando e little joy.
cinthia gomes
petit_girl29@hotmail.com

Caio disse...

Caio Baron

O que andou sangrando meus ouvidos nessa última semana foi o disco VOLUME 1 do CKY.


caio.cadbaron@gmail.com

Caio disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
pericles.m disse...

amei a resenha do favorite ep! a melhor q vi ate agora

Léo Karnak disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Léo Karnak disse...

Banda q mais ouvi:
Motorhead

NOme: Léo Carrer
E-mail: leocarrer@antitelejornal.net

MarceLa Guimarães. disse...

Essa semana ouvi mais Oasis...
meu email: marcelaimprensa@gmail.com

ahh, a Madame Mim tem sim o seu charme. E próprio! xD

Alvamir disse...

Embora tenha criticado Madame Mim em sua resenha, foi o que eu mais escutei essa semana pra me embalar na madrugada de sábado/domingo. E sim, tem várias outras bandas que vão tocar mais cedo, e que eu gosto. Podendo citar a segunda que vai tocar, Girlie Hell. Que acho bem promissora! (Nada como um toc Female no nosso rock). Havia outra que eu gostava muito também, mas que sumiu misteriosamente, chamada Saia Demodè. Era um estilo singular, bom e cômico às vezes.


alvamirdosanjos@gmail.com

badreputation disse...

A banda que mais ouvi essa semana foi Daft Punk.

Yasmin de Oliveira Prado.
yasminprado@hotmail.com

Nathália disse...

O que mais ouvi essa semana foi Adele :D

Nathália Cristina Lemes Simão
nathy_lemes28@hotmail.com